Rio Grande do Sul cria cidades provisórias para desabrigados pelas chuvas

acolhimento

O vice-governador do Rio Grande do Sul, Gabriel Souza (MDB), anunciou nesta quinta-feira (16/5) os locais que devem funcionar como cidades provisórias para desabrigados das chuvas que castigam o estado desde o fim de abril. As áreas a serem utilizadas incluem a capital, Porto Alegre, e também Canoas, São Leopoldo e Guaíba.

Leia também: Porto Alegre enfrenta crise sanitária pós-cheia do Guaíba

Em entrevista à Rádio Gaúcha, Gabriel Souza explicou que, além do Porto Seco – inicialmente pensado para a montagem da cidade provisória com barracas em Porto Alegre –, a região do Centro Olímpico Municipal, em Canoas, também está sendo considerada como opção para abrigar as pessoas. “Em São Leopoldo, o prefeito Ary Vanazzi está indicando o Parque de Eventos. E, em Guaíba, irei pessoalmente hoje, quinta-feira (16/5), porque estamos com dificuldade para achar as áreas que não sejam inundáveis, mas rapidamente encontraremos solução”, afirmou o vice-governador.

Receba nossas notícias em tempo real no whatsapp

Estruturas provisórias para acolhimento

O vice-governador enfatizou que os municípios terão instalações rápidas de estruturas provisórias. A iniciativa visa “dar dignidade mínima” aos desabrigados. “Temos pouco tempo para começar a montar. A ideia é que, na próxima semana, iniciaremos a contratação para começar a montar essas estruturas provisórias”, destacou Gabriel Souza.

Infraestrutura completa

As estruturas contarão com banheiros, pontos de saúde, cozinha e espaços para crianças e animais de estimação, em locais próximos a pontos de necessidade, como escolas.

Expansão do plano

No último sábado (11/5), a Prefeitura de Porto Alegre discutiu a possibilidade de construir uma “cidade provisória” no bairro Porto Seco para 10 mil desabrigados, com entrega de 5 mil barracas. O plano agora abrange mais três locais, para a construção de estruturas rápidas, com o objetivo de abrigar as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul.

Siga a gente no Google News: Clique aqui

 

Sarah Oliveira
Sarah Oliveira

Uma amante das palavras em uma jornada incessante de descoberta. Originária de São Paulo, encontro nas nuances da linguagem minha paixão. Com formação em Comunicação, tenho o prazer de guiar você pelos intrincados caminhos das notícias, oferecendo uma perspectiva única sobre o que acontece no Brasil e no mundo.

Artigos: 1879

Deixe um comentário