Fernando Diniz é demitido e está fora do Fluminense

demissão

Fernando Diniz não é mais o treinador do Fluminense. Após a derrota para o Flamengo, neste domingo, no Maracanã, que manteve o clube na lanterna do Brasileirão, a diretoria tricolor decidiu encerrar a passagem do comandante nas Laranjeiras após uma longa reunião nesta segunda-feira.

Com a demissão, Diniz receberá uma multa rescisória entre R$ 6 milhões e R$ 7 milhões. O auxiliar técnico Marcão assumirá o comando do time na partida contra o Vitória, na próxima quinta-feira.

Leia também: Simony ganha carro de R$ 730 mil de admirador secreto: ‘Acostumada a receber flores’

O Fluminense divulgou uma nota oficial agradecendo a Diniz por sua contribuição ao clube. “Diniz deixa como legado desta sua passagem não somente alguns dos títulos mais importantes da história de nosso clube, conquistados em 2023 e 2024, mas também o legado de um trabalho muito bem-sucedido em sua primeira etapa de sua atual passagem, ensinamentos importantes sobre sua maneira de entender o futebol e uma visão humanística que no todo trazem enorme contribuição a este esporte”, afirmou o clube.

Nos últimos meses, Diniz enfrentou crescente contestação por parte da torcida. Após a derrota para o Cruzeiro, ele admitiu que o time foi “muito leniente” após as conquistas. No Brasileirão, o Fluminense venceu apenas um dos 11 jogos disputados até agora, acumulando três empates e sete derrotas, o pior início do clube na história dos pontos corridos.

Fernando Diniz retornou ao Fluminense em abril de 2022 e viveu seu melhor momento em 2023, quando conquistou o Campeonato Carioca e o título inédito da Libertadores. Nesta temporada, também levantou a taça da Recopa Sul-Americana. Diniz encerra sua segunda passagem pelo clube como o treinador mais longevo do Fluminense no século 21, superando Abel Braga ao atingir 783 dias no cargo.

Durante sua passagem, Diniz também chegou a ser eleito o melhor técnico da América do Sul pelo jornal uruguaio “La Nación”. Além disso, ele comandou simultaneamente a seleção brasileira, mas sem o mesmo sucesso, registrando apenas duas vitórias, um empate e três derrotas em seis jogos.

Nota Oficial do Fluminense

“O técnico Fernando Diniz deixou o comando do Fluminense FC nesta segunda-feira.

Diniz deixa como legado desta sua passagem não somente alguns dos títulos mais importantes da história de nosso clube, conquistados em 2023 e 2024, mas também o legado de um trabalho muito bem-sucedido em sua primeira etapa de sua atual passagem, ensinamentos importantes sobre sua maneira de entender o futebol e uma visão humanística que no todo trazem enorme contribuição a este esporte.

O Fluminense, em nome de seu presidente, sua diretoria e seus funcionários, agradece a Diniz e deseja muito sucesso em sua carreira, sempre.

O auxiliar-técnico permanente Marcão estará à frente da equipe no jogo desta quinta-feira, contra o Vitória, no Maracanã.

O Fluminense precisa de todo apoio do torcedor. Este é um momento que pede união de todos em torno do objetivo maior de retomarmos o caminho das vitórias.”

Para mais atualizações sobre o Fluminense e o mundo do futebol, siga a gente no Google News!

Débora Carvalho
Débora Carvalho

Uma apaixonada por histórias e uma contadora nata. Com base em Belo Horizonte, curso Jornalismo e alimento minha curiosidade incessante por notícias e cultura pop. Se você procura uma abordagem vibrante e envolvente, está no lugar certo!

Artigos: 1069

Deixe um comentário