Dino será o relator no STF de recurso de Jair Bolsonaro

TAG Notícias

O ministro Flávio Dino, do Supremo Tribunal Federal (STF), assume um papel crucial ao ser designado relator de um recurso apresentado pelo ex-presidente Jair Bolsonaro contra uma multa aplicada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), no valor de R$ 70 mil.

A multa foi imposta ao Bolsonaro por impulsionar publicações na internet com críticas ao seu então concorrente à presidência, Luiz Inácio Lula da Silva, em 2022. Segundo o TSE, essa prática é considerada irregular, pois apenas posts para a promoção própria podem ser impulsionados.

Leia também: Lula chama Bolsonaro de ‘covardão’ ao comentar suposto plano de golpe

Após ter seu pedido de recurso negado pelo TSE, a defesa de Bolsonaro recorreu ao STF, onde o caso será apreciado. A distribuição do processo no Supremo foi realizada sem a participação dos ministros Alexandre de Moraes, Cármen Lúcia e Nunes Marques, que julgaram o caso na Corte eleitoral.

Flávio Dino, ex-ministro da Justiça e da Segurança Pública de Lula, assume o cargo de relator após a aposentadoria de Rosa Weber no início deste ano. A nomeação de Dino para o STF foi seguida pela escolha de Ricardo Lewandowski pelo presidente petista para ocupar a vaga deixada por ele.

Fique atualizado sobre os desdobramentos dessa disputa judicial. Siga a gente no Google News.

Sarah Oliveira
Sarah Oliveira

Uma amante das palavras em uma jornada incessante de descoberta. Originária de São Paulo, encontro nas nuances da linguagem minha paixão. Com formação em Comunicação, tenho o prazer de guiar você pelos intrincados caminhos das notícias, oferecendo uma perspectiva única sobre o que acontece no Brasil e no mundo.

Artigos: 1746

Deixe um comentário