Condenado por estupro, Daniel Alves é solto após pagar fiança

TAG Notícias

O ex-jogador Daniel Alves, condenado a quatro anos e meio por agressão sexual, foi liberado da prisão nesta segunda-feira (25/3). Após mais de um ano detido, ele deixou o presídio de Brians 2, em Barcelona, mediante o pagamento de uma fiança milionária, parte do acordo para sua liberdade provisória.

A saída de Daniel Alves ocorreu em meio a protestos na porta da prisão, embora por outra razão: o recente assassinato de uma cozinheira na cadeia de Tarragona, que desencadeou manifestações dos funcionários prisionais na Espanha. A polícia catalã precisou intervir para garantir a saída do ex-jogador.

Leia também: Quem é Chiquinho Brazão, deputado federal preso no caso Marielle

A Justiça espanhola concedeu liberdade provisória para o ex-lateral na última quarta-feira (20/3), impondo algumas condições, incluindo o pagamento da fiança de 1 milhão de euros. Outras medidas cautelares incluem apresentações semanais em audiência e a proibição de se aproximar da vítima.

Daniel Alves ficará hospedado em uma mansão que adquiriu durante seu período no Barcelona, nos arredores de Barcelona. Seus passaportes foram retidos pelas autoridades, e ele não pode deixar o país nem manter contato com a vítima.

A decisão de conceder a liberdade provisória gerou críticas do Ministério Público da Espanha e dos advogados da vítima, que argumentam sobre o alto poder econômico do ex-jogador, levantando preocupações sobre uma possível fuga.

Daniel Alves foi condenado por estupro em um caso ocorrido em dezembro de 2022, em uma boate em Barcelona.

Para mais atualizações sobre esse caso e outras notícias, siga a gente no Google News. Clique aqui

 

Sarah Oliveira
Sarah Oliveira

Uma amante das palavras em uma jornada incessante de descoberta. Originária de São Paulo, encontro nas nuances da linguagem minha paixão. Com formação em Comunicação, tenho o prazer de guiar você pelos intrincados caminhos das notícias, oferecendo uma perspectiva única sobre o que acontece no Brasil e no mundo.

Artigos: 1727

Deixe um comentário