Cachorro ataca e mata bebê de 5 meses deixada em casa pelos pais

tragédia

Uma tragédia abalou Cidade Ocidental, no Entorno do Distrito Federal, nesta terça-feira (4), quando uma bebê de apenas cinco meses foi fatalmente atacada por um cachorro.

Segundo informações da Polícia Civil, a pequena Isis da Silva Sobrinho foi deixada sozinha em casa pelos pais, que saíram para fazer compras. Ambos foram presos por homicídio culposo, caracterizado pela ausência de intenção de matar.

Leia também: Menino de 4 anos é encontrado morto em piscina após 2 dias desaparecido

O ataque ocorreu enquanto Isis dormia no sofá de casa. O tio da criança, que estava em uma casa adjacente no mesmo lote, ouviu o choro da sobrinha e correu para verificar. Ele encontrou a bebê no quintal, sendo mordida e arrastada pelo cão da família. Apesar de ter sido rapidamente levada ao hospital, Isis não resistiu aos graves ferimentos.

Os pais da bebê alegaram que o cachorro estava preso, mas ele conseguiu escapar por um buraco na grade. O laudo médico confirmou lesões na cabeça e no corpo da criança, compatíveis com um ataque animal. O caso é investigado pela delegada Dilamar de Castro, que busca esclarecer os eventos que antecederam a morte de Isis e se houve outros fatores envolvidos.

A avó da criança, que não quis se identificar, declarou que o cachorro estava com a família há cinco anos e nunca havia demonstrado comportamento agressivo. “Ele brincava com todo mundo, era um cachorro muito dócil,” afirmou.

Os pais também enfrentam acusações de omissão na guarda de animal perigoso. Eles foram liberados após pagamento de fiança no valor de R$ 1.412.

Para acompanhar mais notícias como esta e outras informações importantes, siga a gente no Google News

Débora Carvalho
Débora Carvalho

Uma apaixonada por histórias e uma contadora nata. Com base em Belo Horizonte, curso Jornalismo e alimento minha curiosidade incessante por notícias e cultura pop. Se você procura uma abordagem vibrante e envolvente, está no lugar certo!

Artigos: 1052

Deixe um comentário