Receita paga nesta sexta último lote da restituição do Imposto de Renda 2023

Nesta sexta-feira (29), a Receita Federal realizará o depósito do último lote da restituição do Imposto de Renda 2023 para 1.261.100 contribuintes, somando um valor total de R$ 1.965.610.737,14.

Dentre esse montante, R$ 507.782.232,72 serão destinados aos contribuintes com prioridade legal, incluindo 7.402 idosos acima de 80 anos, 57.572 indivíduos entre 60 e 79 anos, 6.847 pessoas com deficiência física ou mental grave, 19.864 profissionais do magistério e, por fim, 141.577 contribuintes que não possuem prioridade legal, mas que receberam preferência por terem utilizado a declaração pré-preenchida ou optado pelo recebimento da restituição via PIX.

Leia também: Vale oferta R$ 100 mil para famílias de Brumadinho desistirem de ações

Além disso, neste lote, estão contemplados 1.027.838 contribuintes não prioritários que apresentaram suas declarações até o dia 15/09/2023.

Consultando a restituição

Os contribuintes que desejam consultar a restituição deste quinto e último lote do Imposto de Renda 2023 podem fazê-lo através deste link. Para isso, é necessário fornecer o CPF, data de nascimento e o ano da declaração. Após preencher esses campos, basta clicar no captcha para confirmar que não é um robô.

Método de pagamento

Os valores das restituições serão depositados diretamente na conta bancária informada na Declaração de Imposto de Renda ou por meio da chave PIX indicada.

Caso ocorra algum contratempo que impeça o crédito, como a desativação da conta bancária informada, os valores ficarão disponíveis para resgate por até um ano no Banco do Brasil. Nesse caso, é possível reagendar o crédito através do Portal BB, acessando o endereço informado ou pelos telefones disponíveis: 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone exclusivo para deficientes auditivos).

No entanto, caso o contribuinte não realize o resgate da restituição dentro de um ano, será necessário fazer a solicitação através do Portal e-CAC, acessando o site da Receita Federal e seguindo o caminho pelo menu “Declarações e Demonstrativos > Meu Imposto de Renda > Solicitar restituição não resgatada na rede bancária”.

Verificação prévia para evitar pendências

É fundamental que os contribuintes realizem uma verificação prévia para assegurar que suas declarações não tenham pendências que possam levá-las à malha fina. A declaração entra nessa situação quando ocorrem divergências entre as informações declaradas e as informações fornecidas pelas fontes pagadoras, como empresas, planos de saúde e imobiliárias, entre outras. Para evitar esse problema, é aconselhável conferir minuciosamente os dados antes do envio.

Sarah Oliveira
Sarah Oliveira

Uma amante das palavras em uma jornada incessante de descoberta. Originária de São Paulo, encontro nas nuances da linguagem minha paixão. Com formação em Comunicação, tenho o prazer de guiar você pelos intrincados caminhos das notícias, oferecendo uma perspectiva única sobre o que acontece no Brasil e no mundo.

Artigos: 1605