Havanna admite que vendeu ovos de Páscoa mofados

TAG Notícias

A empresa divulgou um comunicado em suas redes sociais, no qual admitiu que alguns ovos vendidos para a Páscoa de 2023 estavam mofados e que tomou as medidas necessárias para retirar os produtos das lojas

Havanna, a popular marca de chocolates, admitiu recentemente ter vendido ovos de Páscoa mofados, o que causou uma onda de críticas e reclamações nas redes sociais.

 

 

+ Grave: Anvisa proíbe a fabricação de produtos da marca Fugini e você corre risco se tiver isso em casa

No entanto, muitos consumidores se mostraram insatisfeitos com a declaração da empresa, alegando ter comprado ovos mofados, incluindo o influenciador digital Luccas Neto. Havanna afirmou que seus produtos são sensíveis e culpou o possível mau armazenamento pelo problema, dizendo que “os ovos de Páscoa são suscetíveis e sensíveis ao calor, à umidade e à iluminação”.

 


A empresa também expressou suas desculpas no comunicado oficial e informou que está apurando e investigando as causas do problema para identificá-lo e resolvê-lo. Além disso, solicitou que seus consumidores entrem em contato com o Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) caso encontrem qualquer problema relacionado aos seus produtos.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) abriu uma investigação sobre a situação da Havanna, mesmo que não tenha recebido denúncias formais sobre os produtos. A agência ressaltou que não é aceitável que produtos dentro da validade apresentem mofo e reforçou a importância de manter um controle de qualidade rigoroso e garantir que os produtos estejam em perfeitas condições para consumo.

 


A situação da Havanna serve como um alerta para outras empresas do setor alimentício, mostrando a importância de manter um controle de qualidade rigoroso e garantir que os produtos estejam em perfeitas condições para consumo. Além disso, reforça a importância de denunciar qualquer problema relacionado à segurança e à qualidade dos produtos, para que as medidas necessárias possam ser tomadas e os consumidores possam ser protegidos.

A Páscoa é uma data muito esperada por muitos consumidores, seja para presentear amigos e familiares, seja para desfrutar dos chocolates. No entanto, problemas como o que ocorreu com a Havanna podem causar grandes prejuízos para a imagem e a reputação das empresas, além de colocar em risco a saúde e a segurança dos consumidores. Por isso, é fundamental que as empresas do setor alimentício tomem medidas para garantir a qualidade e a segurança de seus produtos.

Sarah Oliveira
Sarah Oliveira

Uma amante das palavras em uma jornada incessante de descoberta. Originária de São Paulo, encontro nas nuances da linguagem minha paixão. Com formação em Comunicação, tenho o prazer de guiar você pelos intrincados caminhos das notícias, oferecendo uma perspectiva única sobre o que acontece no Brasil e no mundo.

Artigos: 2024