Iludidos em ato antidemocrático, Bolsonaristas marcham no QG do Exército em Brasília e pedem golpe

Patriotas iludidos, seguem em frente ao QG do Exército pedindo duramente por um golpe militar
TAG Notícias

Em acampamento golpista, bolsonaristas cobram medidas ilegais do Exército; ponto turístico é tomado por faixa gigante “Intervenção”

Apoiadores do presidente Bolsonaro (PL), seguem acampados em frente ao Quartel-General (QG) do exército em atos antidemocráticos e golpistas. Ao som do hino nacional, bolsonaristas marcharam durante essa quarta-feira. O acampamento, que já passa de um mês, possui dezenas de cartazes cobrando que o exército tome diversas medidas ilegais, como o fechamento do STF e TSE, além de um golpe militar.

+ Vidente faz previsão que Bolsonaro ficará no poder mesmo com Lula já diplomado

Marchando lentamento ao som de uma letra que cita uma guerra contra o Brasil, alguns apoiadores batiam continência, outros buscavam pisar no chão o mais forte possível..

“A paz queremos com fervor, a guerra só nos causa dor. Porém, se a pátria amada for um dia ultrajada, lutaremos sem temor”, dizia a Canção do Exército. A locutora, que minutos depois conduziria um louvor cristão, ordenava: “Marchando!”.

Assista ao vídeo

 

Daniel Vicente
Daniel Vicente

Sou um entusiasta da informação, natural de Brasília. Atualmente, mergulho nos estudos de Ciências Políticas. Aqui, você encontrará análises aprofundadas sobre política, economia e assuntos globais. Vamos explorar juntos o vasto universo do conhecimento!

Artigos: 1688