Logo
Virou notícia, virou Tag!

123Milhas faz demissão em massa após vendas diminuírem drasticamente

Demissão em massa na 123milhas: crise financeira abala a empresa de viagens online.

Facebook
Twitter
LinkedIn
123 Milhas anuncia demissão em massa (Foto: Reprodução / Tag Notícias)
123 Milhas anuncia demissão em massa (Foto: Reprodução / Tag Notícias)

Na manhã desta segunda-feira, a renomada empresa de viagens online, 123milhas, surpreendeu o mercado ao anunciar uma demissão em massa de seus funcionários.

Embora a companhia tenha declarado que esta ação faz parte de um plano de reestruturação, a quantidade exata de colaboradores afetados ainda não foi confirmada oficialmente. Ex-funcionários, no entanto, relatam que centenas de trabalhadores foram desligados.

Leia também: Dono do OnlyFans ganha R$ 6,3 milhões por dia e faz fortuna de R$ 10 bilhões

A empresa não divulgou os números precisos das demissões, mantendo-se em sigilo quanto ao seu quadro de funcionários. Contudo, informações obtidas pelo  portal UOL sugerem que mais de 1.000 profissionais podem ter sido impactados por essa decisão. Nas redes sociais, há uma enxurrada de relatos sobre demissões em massa e a angústia dos colaboradores afetados.

A empresa justificou os cortes afirmando que a queda nas vendas foi o principal motivo para essa medida drástica.

Em meio a uma crise financeira que abala o setor de turismo, a 123milhas emitiu uma nota declarando que está “trabalhando progressivamente para estabilizar sua condição financeira.”

Além das demissões, a agência de viagens online tomou outra decisão impactante em 18 de agosto, suspendendo a emissão de passagens e pacotes flexíveis. A linha Promo, que permitia aos clientes pagar menos por viagens sem saber as datas exatas de ida e volta, também foi interrompida.

A empresa alegou que as altas taxas de juros e o aumento dos preços das passagens aéreas eram fatores que dificultavam a manutenção desse serviço. Segundo a 123milhas, essa linha representava 7% de seus embarques em 2023.

123 Milhas oferece vouchers

Como alternativa, a empresa optou por oferecer vouchers aos clientes afetados. No entanto, essa iniciativa enfrenta críticas da Senacon (Secretaria Nacional do Consumidor) e do Procon-SP, que cobram respostas claras da 123milhas. A Senacon está avaliando a possibilidade de abrir um processo administrativo caso a agência não reembolse os consumidores que já haviam adquirido pacotes de viagens e foram afetados pela suspensão. As multas decorrentes desse processo podem chegar a R$ 13 milhões.

A 123milhas informou que o plano de reestruturação interno, com a consequente redução de sua equipe, teve início em 28 de agosto. Essas medidas estão sendo adotadas para lidar com os desafios provocados pela significativa queda nas vendas e visam, gradualmente, estabilizar a saúde financeira da empresa.

Veja os relatos da demissão em massa

 

Daniel Vicente
Daniel Vicente
Sou um entusiasta da informação, natural de Brasília. Atualmente, mergulho nos estudos de Ciências Políticas. Aqui, você encontrará análises aprofundadas sobre política, economia e assuntos globais. Vamos explorar juntos o vasto universo do conhecimento!