Furacão Beryl vai destruir a Jamaica: Tempestade está em nível 5 e já deixou vítimas

ALERTA MÁXIMO

O Furacão Beryl enfraqueceu ligeiramente, caindo para a categoria 4 (a segunda mais alta), nesta terça-feira, enquanto se dirige para a Jamaica. Previsões alertam para ventos e tempestades potencialmente fatais, após causar pelo menos sete mortes no Caribe e destruição generalizada no sudeste da região.

Leia também: Lula encontra Haddad às pressas para discutirem alta do dólar

Impacto Devastador do Furacão Beryl

Furacão Beryl deixou um rastro de vítimas no Caribe. Segundo relatos das autoridades, o fenômeno resultou em pelo menos três mortes em Granada, uma em São Vicente e Granadinas e três na Venezuela.

Previsões e Alertas

O Centro Nacional de Furacões dos EUA (NHC) relatou que espera que Beryl “enfraqueça” ao chegar à costa da Jamaica nesta quarta-feira, mas alerta que a tempestade ainda será “grande”, com ventos potencialmente fatais e inundações repentinas.

Trajetória do Furacão Beryl

Segundo o NHC, há um alerta para a Jamaica, que se prepara com abrigos de emergência em Montego Bay e instalações seguras em Kingston, conforme reportado pelo jornal Jamaica Gleaner.

“Exorto todos os jamaicanos a estocarem alimentos, pilhas, velas e água. Mantenham seus documentos importantes seguros e removam quaisquer árvores ou itens que possam colocar sua propriedade em perigo,” disse o primeiro-ministro Andrew Holness no X.

O NHC também previu tempestades na costa sul de Porto Rico, República Dominicana e Haiti.


Fique atualizado sobre o Furacão Beryl e outras notícias importantes! Siga a gente no Google News.

Daniel Vicente
Daniel Vicente

Sou um entusiasta da informação, natural de Brasília. Atualmente, mergulho nos estudos de Ciências Políticas. Aqui, você encontrará análises aprofundadas sobre política, economia e assuntos globais. Vamos explorar juntos o vasto universo do conhecimento!

Artigos: 1748

Deixe um comentário