Logo
Virou notícia, virou Tag!
Errou

Carrefour anuncia TV 4K por R$ 105 e causa tumulto em loja; veja o vídeo

A televisão de 55 polegadas e tecnologia 4k, anunciada por apenas R$ 105 no Carrefour da Avenida Jamel Cecílio, em Goiânia, na realidade custava R$ 2.100,00

Facebook
Twitter
LinkedIn
Tumulto no Carrefour de Goiãnia após anúncio errado de TV (Foto: Reprodução / Redes Sociais)
Tumulto no Carrefour de Goiãnia após anúncio errado de TV (Foto: Reprodução / Redes Sociais)

Na manhã desta segunda-feira, o Procon Goiás conduziu uma investigação na filial do Carrefour localizada na Avenida Jamel Cecílio, em Goiânia, após denúncias de possível irregularidade em uma promoção de televisão.

O caso envolve a venda de uma televisão de 55 polegadas com tecnologia 4K, que foi anunciada por um valor surpreendente de apenas R$ 105. No entanto, o Procon descobriu que o preço real do aparelho era, na verdade, 20 vezes mais alto, totalizando R$ 2.100,00.

Em resposta às acusações, o hipermercado alegou que o vídeo que circula nas redes sociais, mostrando o anúncio de R$ 105, foi manipulado e não apresenta o contexto completo da promoção.

De acordo com a versão do Carrefour, o locutor teria mencionado que o valor de R$ 105 se referia às parcelas do pagamento.

Leia também: Governador e prefeito planejam “Broadway de São Paulo” no centro da capital

Levy Rafael Cornélio, superintendente do Procon Goiás, informou que a gerente do hipermercado negou veementemente que o funcionário responsável pelo anúncio não tenha esclarecido as condições da promoção.

Além de destacar que o preço real da TV era 20 vezes superior ao valor anunciado, Cornélio também revelou que a compra do aparelho estava condicionada ao uso do cartão da loja.

No entanto, a investigação do Procon não teve um desfecho conclusivo. A gerente do Carrefour defendeu que o vídeo divulgado online foi editado para omitir partes essenciais da comunicação do locutor, o que levantou questionamentos sobre a possível indução ao erro por parte dos consumidores.

Levy Rafael Cornélio comentou sobre os próximos passos da investigação: “Solicitamos formalmente que o hipermercado nos forneça o vídeo completo, que mostre todas as informações comunicadas pelo locutor. Isso nos permitirá avaliar se houve de fato uma tentativa de enganar o consumidor ou se a situação foi mal interpretada.”

Veja o vídeo da confusão

Débora Carvalho
Débora Carvalho
Uma apaixonada por histórias e uma contadora nata. Com base em Belo Horizonte, curso Jornalismo e alimento minha curiosidade incessante por notícias e cultura pop. Se você procura uma abordagem vibrante e envolvente, está no lugar certo!