Bolsonaro fica em silêncio em depoimento na Polícia Federal

TAG Notícias

Jair Bolsonaro (PL) marcou presença na sede da Polícia Federal, em Brasília, nesta quinta-feira (22), para prestar depoimento sobre a alegada tentativa de golpe de Estado. No entanto, o ex-presidente optou por permanecer em silêncio diante dos questionamentos dos investigadores, permanecendo no local por aproximadamente trinta minutos.

Em uma conversa com a imprensa, um dos advogados de Bolsonaro, Pedro Cunha Bueno, explicou que instruiu seu cliente a se calar devido à falta de acesso aos autos do processo. Ele destacou que o inquérito é considerado “semisecreto”. Fábio Wajngarten, outro membro da equipe de defesa e ex-chefe da Secretaria de Comunicação Social, reforçou que Bolsonaro “nunca foi simpático a qualquer movimento golpista”.

Leia também: Número de novos prédios em SP baterá recorde histórico

Além de Jair Bolsonaro, outros investigados foram intimados a depor na PF, como Valdemar da Costa Neto (presidente do PL), Walter Souza Braga Netto (candidato a vice-presidente em 2022), Augusto Heleno (ex-ministro do GSI), Anderson Torres (ex-ministro da Justiça), Mário Fernandes (ex-ministro substituto da Secretaria-Geral da Presidência), Ronald Ferreira de Araújo Júnior (oficial do Exército), Almir Garnier (ex-comandante da Marinha)

Para acompanhar mais notícias sobre esse e outros acontecimentos relevantes, siga-nos no Google News clicando aqui.

Sarah Oliveira
Sarah Oliveira

Uma amante das palavras em uma jornada incessante de descoberta. Originária de São Paulo, encontro nas nuances da linguagem minha paixão. Com formação em Comunicação, tenho o prazer de guiar você pelos intrincados caminhos das notícias, oferecendo uma perspectiva única sobre o que acontece no Brasil e no mundo.

Artigos: 1727

Deixe um comentário