Logo
Virou notícia, virou Tag!

Bolsonaro desaparece, “entrega” faixa e Lula é tratado como presidente antes mesmo da hora

Bolsonaro sumiu da mídia, de Brasília e Lula está no comando e tomando à frente antes mesmo do esperado.
Facebook
Twitter
LinkedIn
Bolsonaro entrega a faixa para Lula (Foto: Montagem)

O presidente eleito só assume no dia 1 de janeiro de 2023

Bolsonaro (PL), após a derrota nas urnas, desapareceu. Apesar de ter sido derrotado, Bolsonaro continua sendo presidente até do dia 31 de dezembro de 2022, como manda a legislação. Lula, candidato eleito democraticamente, só assume no dia 1 de janeiro de 2023.

Bolsonaro simplesmente sumiu, desapareceu da mídia, coisa muito diferente do que fazia antes dos resultados das eleições. O presidente sempre aparecia positivamente para os seus apoiadores e até mesmo envolvido em polêmicas com perguntas de jornalistas, mas nem isso tem acontecido nas últimas semanas.

+ No Brasil é uma zona, mas em outros países direitos trabalhistas são exigidos em aplicativos; veja quais

Um levantamento apontou que Bolsonaro tem trabalhado cerca de 40 minutos por dia, desde a derrota, além de sua agenda pública nunca ter nada marcado.

Diante aos fatos do sumiço do presidente nas ordens ali em Brasília e até mesmo na mídia aos seus apoiadores, Lula tomou à frente.

Lula em Brasília 2022
Lula em Brasília 2022

Segundo o que foi divulgado pelo portal UOL, Lula já é tratado com presidente mesmo antes de assumir de fato as responsabilidades. É Lula – e não Bolsonaro – quem vai à Conferência do Clima na ONU, a COP 27 no Egito. Coisas que Bolsonaro que ainda tinha que resolver já estão sendo passadas para Lula.

+ O que Lira disse a Lula sobre a legitimidade do resultado das urnas revolta boa parte do Brasil

Na COP 27, Lula já tem diversas reuniões marcadas que chefes de estados de outros países, sendo entre eles os maiores do mundo: EUA, Alemanha, Reino Unido e França.

Fato é que Bolsonaro parece que realmente cansou de se presidente e entregou à faixa a Lula antes mesmo do esperado, já que isso não acontecer visualmente, como de costume, no dia 1 de janeiro de 2023.

Daniel Vicente
Daniel Vicente
Sou um entusiasta da informação, natural de Brasília. Atualmente, mergulho nos estudos de Ciências Políticas. Aqui, você encontrará análises aprofundadas sobre política, economia e assuntos globais. Vamos explorar juntos o vasto universo do conhecimento!