Atleta morre após engolir abelha durante treino de ciclismo

TAG Notícias

O atleta teve morte encefálica atestada após ficar 21 dias internado

Waldonilton de Andrade Reis, de 43 anos, morreu ao sofrer um choque anafilático depois que engoliu uma abelha. O fato ocorreu durante um treino de ciclismo do atleta na orla da praia da Ponta Negra, em Manaus.

Após 21 dias de internação, em um hospital da capital amazonense, os médicos informaram aos familiares que ele teve um choque anafilático e a morte cerebral foi por consequência dele ter ficado mais de três minutos sem oxigênio no cérebro.

Em entrevista, Rosilene Reis, irmã do atleta, contou que demorou muito para ele receber um atendimento de primeiros socorros e ficou cerca de 20 minutos com dificuldade na respiração. Devido a isso, seu quadro já teve uma piora no local.

“Não teve um socorro, não teve um posto de saúde, não tem um hospital por perto. O máximo que tinha era uma base do Corpo de Bombeiros que não tinha médico no plantão”, contou.

Após o desespero das pessoas que tentaram ajudar, um sargento do Corpo de Bombeiros chegou e conseguiu reanimar o atleta.

Na sequência, ele foi levado a unidade de saúde mais próxima, a 8,4 km do local do incidente. De lá, o atleta foi encaminhado para um outro hospital, onde havia uma UTI disponível para ele.

Waldonilton fez uma bateria de exames que indicavam que ele ainda tinha vida. Até que no dia 23 de março, ele não apresentou mais sinais vitais.

“O médicos falaram para gente é que o cérebro consegue ficar até três minutos sem oxigenação. Se tivesse tido um atendimento adequado, um médico, um bombeiro, ou então um posto de saúde, alguém poderia ter ressuscitado o meu irmão. Mas como ele passou mais de três minutos, demorou para ser levado ao Joventina, ele não aguentou. Nenhuma pessoa aguentaria”, lamentou a irmã.

Rosilene ainda afirma que espera que medidas sejam tomadas para que nenhum outro caso do tipo ou outro acidente aconteça sem que a vítima tenha um pronto atendimento na região.

“É uma área muito movimentada. Há muito tempo já tinha que ter ao menos um posto de saúde, um Serviço de Pronto Atendimento, algo assim. É uma área de lazer, tem sempre turistas caminhando por lá, crianças, animais, idosos. Muita gente faz exercícios por lá e não é só uma área de esportes. É uma área de lazer para profissionais e amadores e não tem suporte médico”

+ Luto: Morre cantor sertanejo Matheus atropelado em rodovia a caminho do Rio de Janeiro

O que você precisa saber

  • O atleta Waldonilton de Andrade Reis, de 43 anos, faleceu após sofrer um choque anafilático ao engolir uma abelha durante um treino de ciclismo na orla da praia da Ponta Negra, em Manaus.
  • Após 21 dias de internação em um hospital de Manaus, os médicos informaram aos familiares que o atleta teve morte encefálica por ter ficado mais de três minutos sem oxigênio no cérebro como consequência do choque anafilático.
  • A irmã do atleta, Rosilene Reis, relatou que demorou para ele receber atendimento de primeiros socorros e que ele ficou cerca de 20 minutos com dificuldade para respirar, o que agravou o seu quadro.
  • O atleta foi levado para a unidade de saúde mais próxima, que estava a 8,4 km do local do incidente, e posteriormente encaminhado para outro hospital que tinha UTI disponível para ele.
  • Apesar de ter apresentado sinais de vida nos exames realizados, Waldonilton não resistiu e faleceu no dia 23 de março.
Waldonilton de Andrade Reis era atleta profissional de remo (Foto: Reprodução)
Waldonilton de Andrade Reis era atleta profissional de remo (Foto: Reprodução)

Waldonilton de Andrade Reis era atleta profissional de remo. Apesar de ser amazonense, fazia parte do Esporte Clube Remo, no Pará. Ele também fazia parte de um grupo de ciclismo que praticava com os amigos.

Débora Carvalho
Débora Carvalho

Uma apaixonada por histórias e uma contadora nata. Com base em Belo Horizonte, curso Jornalismo e alimento minha curiosidade incessante por notícias e cultura pop. Se você procura uma abordagem vibrante e envolvente, está no lugar certo!

Artigos: 1023